sábado, 14 de março de 2009

[#74] [poema em LP]

CrOMOsSOMOScriATIVOS 2009©
Entrada de Santos, Rodovia SP-150
E logo o sol nasce em meu escritório, a praia!

[LADO A]

PROCESSO criativo, discussão positiva,
Visões distintas, opiniões relevantes,
Mentes em exercício, experiências combinadas,
Inspirações diversas, resultados inquietantes.

Verdadeira parceria, em palavra e acepção,
Simbiose em plena prática, mútua compreensão,
Parte e contraparte em fecunda reciprocidade,
Relação «ganha-ganha», prova de cumplicidade!

[LADO B]

Despertador? As carícias dos primeiros raios de sol da manhã...
Ar condicionado? Uma janela aberta, beija-me a ventania no rosto!
Possibilidades? Todas, infinitas, ao alcance dos olhos, a um estalar de dedos.
Limite? O Céu, talvez, se existir, descubro quando estiver lá...

Caminhos: retas e curvas, declives e aclives, natureza e asfalto. Pé na tábua!
Energia: nutrição adequada, dieta balanceada, inusitadas combinações. Só delícias!
Matéria-prima: lembranças diversas, memórias revisitadas. Só escolhe quem conhece!
Forma e conteúdo: a incansável busca por equilíbrio e harmonia. Mais, sempre mais!

3 comentários:

Tigresa disse...

Tocamos, um para o outro, sempre que nos permitimos, nosso LADO A e nosso LADO B.
Respeitamos o outro, mas nossa generosidade não é tanta que possamos poupar o outro de nossas extravagâncias, nosso desespero, nosso "ser - vir a ser".
Fazemos isso com uma tranquilidade pertubadora, como se o outro fosse parte de cada um de nós.
Isso define um conceito e não uma relação. Somos, um para o outro, mais, muito mais, sempre mais: somos complementares.
Assim, mesmo a distância ou o cotidiano, não nos impede o exercício da compreensão e da reciprocidade. Enfim, o que existe aqui é só cumplicidade,

Eu também digo: Mais, sempre mais!

Trebor Basques disse...

Perfeita sincronia no Lado A e Lado B. As escolhas, trocas, encontros e sincronia....Levamos as nossas vidas em rotações diferentes, uns em 78 RPM outros em 33 ⅓ RPM, mas o som que toca sempre é o mais puro feeling....Um Efusivo Abraço

Laguardia disse...

Não sou jornalista nem escrito. Se quer escrevo bem. Sou aposentado. Meu imposto de renda é retido na fonte pelo INSS. Já nosso querido apedeuta tem sua receita de INSS como anistiado político acima do teto do INSS livre de IR.
Minha forma de lutar contra os desmandados implantados por este governo corrupto no Brasil é através de um blog http://brasillivreedemocrata.blogspot.com/
Gostaria de contar com a presença e dos comentários das pessoas de bem que não se conformam com a desonestidade, a falta de ética e a corrupção em nosso governo.
Um grande abraço