terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

[#70]

s4br 2009©

Cajuína gelada! Melhor, impossível!

LONGA espera, apreensão, tamanha expectativa,
Após tantos planos, contratempos, várias tentativas,
Novos ventos sopram rumo norte, meu destino,
Preparado, é chegada a hora, eis o grande dia!

Finalmente, cá estou em escaldante terra firme!
Unidos por letras e músicas, tal qual o roteiro de um filme,
Guiado pelo amigo de longa data, por sua terra querida,
Ao encontro de rios, artes, musas, sabores infinitos!

Impressionado a cada passo, a cada praça, caminho, não desanimo,
Sabores que provo, a provar que tantos são seus encantos,
Néctar cristalino refresca-me, nutre-me, é pura energia!
Cercado de musas, inspiro-me, é tanta beleza vista, em êxtase, regozijo-me!

Entretanto, passa o tempo, por mais que parecesse sobrar,
Encontro-me deveras saudoso, igualmente esperançoso,
Respiro fundo, renovado, sem temer o que o futuro me reserva,
Pois levo comigo muito mais do que jamais pensara trazer.

No dia da partida, contrariado, ainda que não quisesse ir,
Sinto-me um tanto quanto melancólico, talvez nostálgico,
Reflexivo, compreendo o momento, vivo o fato, agradecido,
Certo de ser a primeira de muitas, muitas, jamais a última jornada!


8 comentários:

Raphael R Barbosa disse...

A longa espera trouxe uma agradável confirmação do que já era esperado. A amizade outrora somente "digital" ganha sua existência no mundo "convencional". Tive medo do tempo ser longo e da falta do que fazer, mas a semana voou e faltou tempo para tudo que se poderia fazer.

Teresina vale mais que uma visita, certamente, para surpresa de quem tem preconceito por essa terra linda que adotei e me adotou.

Aguardo novos encontros. Sejam em Sampa ou em The, sinto-me em casa em ambos, graças à "dupla naturalidade" e ao amigo.

Abraços!

Milford Maia disse...

Com toda a certeza, Rapha,

Ambos reais, fundem-se (e confundem-se) os mundos virtual e convencional.

Ideias, conceitos e opiniões em afinidade são o passaporte para novas visitas e viagens.

A casa aqui estará aberta, sempre!

Forte abraço!
Reforma ortográfica no 'blogue': aqui http://milfordmaia.blogspot.com e acolá http://milfordmaia.blig.ig.com.br!

Tigresa disse...

Finalmente!

Em ambos, beijos e abraços.
Que essa amizade seja eterna, que voces cresçam juntos.

Boa sorte.

Milford Maia disse...

Le monde est très grand et je suis trop petit...

Obrigado!

Neiva disse...

Nesta primeira leitura de seus textos, noto com alegria que, inseridos na infoera, há jovens que escrevem bem, transmitindo mensagens agradáveis. Conheci-o há pouco e, sinto-me agradavelmente surpreendida pelo seu blog. Sou promotora de leitura e você não imagina a minha satisfação em ler seus textos e os inteligentes comentários postados.
Sucesso!

Milford Maia disse...

Agradeço imensamente a visita, Neiva,

Procurarei estar à altura de seu crivo e buscar melhorar sempre.

As destrezas em ambos os teclados hão de evoluir, assim espero!

Forte abraço!

Trebor Basques disse...

Camarada,

Os laços que nos unem, nem distância pode ser capaz de quebrá-los. O reencontro sempre nos faz voltar revigorados, como se estivessemos prontos para uma nova jornada. Acho que esse é o efeito que os verdadeiros "Camaradas D'água" fazem na gente.

Um efuivo abraço

Milford Maia disse...

Sem dúvidas, velho amigo Trebor!

Uma grande jornada, marcante, cheia de alegria e satisfação.

Inspiradora, revigora e traz novo fôlego, para a sequencia da vida quotidiana.

Forte abraço!